segunda-feira, 18 de março de 2019

O CONTADOR DE HISTÓRIAS, por Carlos Lula


Escrever não é fácil. Minto. Escrever, colocar uma palavra ao lado da outra e encadear uma ideia é uma atividade relativamente simples, a despeito da ignorância que grassa mesmo entre as mais altas autoridades constituídas. Estas não só aparentam desconhecer regras mínimas de ortografia e concordância, como jamais aprenderam a usar a vírgula. Mas, tendo em vista a limitação intelectual de certas figuras de hoje, delas não se pode exigir muita coisa. Um orangotango bem treinado talvez conseguisse fazê-lo de melhor maneira.

Divago. O que quero dizer a vocês é que escrever pode ser bem simples, mas contar histórias não o é. E contar histórias de um modo que ela se torne verdadeiramente interessante a quem as lê é mais difícil ainda. Bem ou mal, por isso escrevo sempre. Às vezes, com o auxílio do orangotango. Mas tenho de fazê-lo. E o faço, porque tenho acesso a histórias demais. Seja lendo, seja vivendo, os últimos anos de minha vida têm sido pródigos em experienciar histórias. E elas não mais cabem dentro de mim.

Quem se propõe a contar histórias sabe que elas - as histórias - não existem. Apenas existe quem as conta. Portanto, se você sabe quem conta a história, ela existe. E nos episódios mais tensos e curiosos de nosso tempo, nunca tantas e tão curiosas histórias foram contadas. Queria falar sobre o massacre de Suzano, mas simplesmente não consegui. Ali, naquele caso, há um milhão de histórias que não devem ser contadas. São elas as que precisam ser escritas. Simplesmente, não consegui.

Para quem se propõe a ser um narrador do que acontece ou do que se imagina acontecer, sabe que num romance o que não se conta é sempre mais importante do que aquilo que se conta. A arte de quem narra consiste em silenciar a tempo. No fundo, a quem escreve, a melhor maneira de contar uma história é não contá-la. Mas só vale a pena serem contadas as histórias que não devem ser contadas. Essa é a beleza da Literatura.

E mente quem afirma que sabe exatamente o caminho que seu texto irá trilhar. Ou pode até não mentir, mas você pode ter certeza que o texto será uma bela porcaria. Quem sempre sabe aonde vai, nunca chega a lugar algum. Só sabemos o que verdadeiramente queremos dizer quando isso já foi dito. Por isso é tão difícil escrever. Por isso peço constantemente ajuda a Bidu e a meu colega orangotango bem treinado.

É por isso, também, que sempre encontramos por aí esses escrevinhadores quarentões, com ar blasé, que já desistiram da furiosa aspiração de glória que a juventude lhes trouxera. Já foram resignados à mediocridade do presente e à desfaçatez do futuro, mantendo a cota mínima de álcool, tristeza e algum cinismo, indispensáveis para a sobrevivência. Ainda hei de participar da fundação de uma associação desses caras.

Mas foi conversando com quem conseguiu alcançar o sucesso, e nada pior a quem escreve do que tê-lo alcançado, que pude entender porque a atividade do orangotango não o torna um escritor. Um escritor de verdade, ele não apenas coloca uma palavra ao lado da outra, com alguma leveza e graciosidade. Um escritor se propõe a problemas complexos e, no lugar de resolvê-los, trabalha para ficarem ainda mais complexos. São uns malucos, que olham para a realidade, e, às vezes, a vê.

Isso mesmo que eu disse, nem todo mundo vê a realidade. Todo mundo olha para ela, mas poucos são capazes de vê-la. Essa é a atividade principal do escritor-artista. É tornar visível o que todos olham, mas ninguém pode, ninguém sabe ou ninguém quer ver. De um modo geral, não queremos ver. Na maioria das vezes, a realidade nos traz coisas tristes, desagradáveis ou horrendas. É preciso ter muita coragem para ver e não fechar os olhos ou sair correndo, porque quem as vê se enfurece ou enlouquece. Nem todo mundo tem condições de ver. Nem todo mundo possui um escudo de proteção contra o mundo real.

Então, eu queria contar a vocês algumas histórias sobre o massacre de Suzano, mas peço desculpas. Essa realidade, essa realidade que a gente olha mas não vê, desta vez é cruel demais até para quem escreve. É melhor não saber. Fiquem com o orangotango.

Motociclista morre após colisão com animal na BR 402

O animal também morreu no local do acidente



Na madrugada deste domingo (17), no km 48,4 da BR 402, munícipio de Morros/MA, ocorreu um acidente do tipo colisão com animal, que levou a óbito um jovem de 28 anos de idade.


Por volta das 03h20 da madrugada, o rapaz trafegava em uma motocicleta Honda Titan, de cor preta, quando se deparou com o animal solto na pista e não conseguiu desviar. Ele morreu no local. O jovem foi identificado como Valdeildo de Almeida Santos, nascido no dia 19 de agosto de 1990, no municipio de Morros. 

O acidente foi atendido por uma equipe da Unidade Operacional da PRF de Pedrinhas, que esperou os procedimentos com respeito a vítima e também retirou o animal morto do meio da pista.

Fonte: PRF

Irregularidades nos Portais da Transparência motivam ACPs contra Câmara e Prefeitura de Cedral

FOTO: Mapa Cedral


O Ministério Público do Maranhão propôs, na última quarta-feira, 13, Ações Civis Públicas contra a Câmara de Vereadores e Prefeitura de Cedral devido a irregularidades em seus Portais de Transparência. Ajuizou a Ação o promotor de justiça Thiago de Oliveira Costa Pires.

MPMA constatou que tanto a Câmara Municipal quanto a Prefeitura de Cedral lançaram dados nos seus Portais da Transparência em desacordo com o cumprimento das Leis de Acesso à Informação e de Responsabilidade Fiscal

As informações que a Prefeitura divulga em seu site foram consideradas insuficientes e superficiais pelo Centro de Apoio Operacional de Defesa do Patrimônio Público e da Probidade Administrativa (CAOp-ProAD) após vistoria realizada em 2018Os dados divulgados no site da Câmara foram considerados ainda mais irrisórios.

RECOMENDAÇÕES
Em 6 de novembro de 2018, o MPMA expediu Recomendações aos representantes da Câmara de Vereadores da Prefeitura de Cedral para quepromovessem a efetiva e correta implantação do Portal da Transparência nos sitesPara a Prefeitura, foi dado um prazo de 10 dias, enquanto a Câmara teve 30 dias para fazer aalteraçõesOs documentos foram recebidos nos dias 13 e 14 de novembro e não houve resposta posterior.

Ao fim do prazo, uma análise da Promotoria de Justiça de Cedral no site da Prefeitura constatou total descumprimento da Lei e Acesso a Informação no “Portal da Transparência”. Já a Câmara Municipal cumpriu apenas cinco dos 60 itens do relatório de análise para verificação.

PEDIDOS
Em caráter liminar, a Promotoria de Justiça da Comarca de Cedral requereu que a Prefeitura e Câmara de Vereadores de Cedral sejam obrigados aadequar, no prazo de 20 dias, completa e efetivamente seus Portais da Transparência, os quais devem seguir as determinações da Lei de Responsabilidade Fiscal e da Lei de Acesso à Informação.

O não cumprimento das adequações deverá resultar em multa diária de R$ 1 mil por dia, até o limite de R$ 200 mil. O recolhimento deve ser destinado ao Fundo de Defesa de Direitos Difusos. Ministério Público do Maranhão propôs, na última quarta-feira, 13, Ações Civis Públicas contra a Câmara de Vereadores e Prefeitura de Cedral devido a irregularidades em seus Portais de Transparência. Ajuizou a Ação o promotor de justiça Thiago de Oliveira Costa Pires.

MPMA constatou que tanto a Câmara Municipal quanto a Prefeitura de Cedral lançaram dados nos seus Portais da Transparência em desacordo com o cumprimento das Leis de Acesso à Informação e de Responsabilidade Fiscal

As informações que a Prefeitura divulga em seu site foram consideradas insuficientes e superficiais pelo Centro de Apoio Operacional de Defesa do Patrimônio Público e da Probidade Administrativa (CAOp-ProAD) após vistoria realizada em 2018Os dados divulgados no site da Câmara foram considerados ainda mais irrisórios.

RECOMENDAÇÕES
Em 6 de novembro de 2018, o MPMA expediu Recomendações aos representantes da Câmara de Vereadores da Prefeitura de Cedral para quepromovessem a efetiva e correta implantação do Portal da Transparência nos sitesPara a Prefeitura, foi dado um prazo de 10 dias, enquanto a Câmara teve 30 dias para fazer aalteraçõesOs documentos foram recebidos nos dias 13 e 14 de novembro e não houve resposta posterior.

Ao fim do prazo, uma análise da Promotoria de Justiça de Cedral no site da Prefeitura constatou total descumprimento da Lei e Acesso a Informação no “Portal da Transparência”. Já a Câmara Municipal cumpriu apenas cinco dos 60 itens do relatório de análise para verificação.

PEDIDOS
Em caráter liminar, a Promotoria de Justiça da Comarca de Cedral requereu que a Prefeitura e Câmara de Vereadores de Cedral sejam obrigados aadequar, no prazo de 20 dias, completa e efetivamente seus Portais da Transparência, os quais devem seguir as determinações da Lei de Responsabilidade Fiscal e da Lei de Acesso à Informação.

O não cumprimento das adequações deverá resultar em multa diária de R$ 1 mil por dia, até o limite de R$ 200 mil. O recolhimento deve ser destinado ao Fundo de Defesa de Direitos Difusos.

Weverton é reeleito para a Executiva Nacional do PDT



O senador Weverton (PDT-MA) foi reeleito para a Executiva Nacional do PDT, na manhã desta segunda-feira (18), na convenção do partido, em Brasília. Durante o encontro, foram discutidos temas como a conjuntura política do país e os projetos considerados prioritários para a população. Entre eles, o texto da Reforma da Previdência, contra o qual o partido fechou questão.

Essa reforma não pode prejudicar o trabalhador. Não vamos aceitar uma proposta que penalize a mulher, as pessoas que trabalham na zona rural, os pescadores, o professor, a professora e que só favorece quem está no topo da cadeia econômica”, ressaltou Weverton.  

O senador destacou a importância de o PDT defender os interesses do trabalhador neste momento em que muitos direitos estão sendo questionados. “Alguns direitos já foram tirados com a reforma trabalhista. O PDT não vai aceitar isso. Vamos lutar para proteger os trabalhadores deste país. O momento exige do partido uma postura cada vez mais firme em defesa do povo brasileiro”, enfatizou.



Diretório Nacional

Além de Weverton, o Maranhão também terá como representante na Executiva Nacional a presidente da Ação da Mulher Trabalhista, Kariadine Maia, eleita secretária Nacional de Divulgação e Propaganda do partido.

Do PDT maranhense participaram do evento, além do senador Weverton e do deputado federal Gil Cutrim, o prefeito de São Luís Edivaldo Holanda Júnior; o presidente da Famem, prefeito Erlânio Xavier; o presidente da Câmara de São Luís, Osmar Filho; o presidente do PDT de São Luís, vereador Raimundo Penha; o líder do governo na Assembleia Legislativa, Rafael Leitoa; além dos deputados estaduais Márcio Honaiser e Glalbert Cutrim; uma caravana de líderes dos movimentos partidários; e os delegados eleitos do Diretório Estadual.

Sousândrade divulga gabaritos das provas do concurso da Câmara de São Luís


A Fundação Sousândrade divulgou, nesta segunda-feira (18), os gabaritos das provas do concurso público para preenchimento de cargos na estrutura administrativa da Câmara Municipal de São Luís.
O certame foi realizado neste último domingo (17) em clima de tranquilidade. Pela manhã, foram aplicadas as provas para nível superior. 1.267 candidatos faltaram.
À tarde, foram realizadas provas para os cargos de nível médio. Um total de 3.575 candidatos não compareceram.
A previsão é de que o resultado final seja divulgado em maio, conforme o edital do certame.
O concurso da Câmara Municipal de São Luís oferece vagas para os níveis médio e superior, além do cargo de procurador.
As vagas são de Administrador (09 vagas), Analista de Informática – Legislativa (12 vagas), Analista Legislativo (48 vagas), Arquiteto (06 vagas), Assistente Social (06 vagas), Bibliotecário (06 vagas), Contador (06 vagas), Engenheiro Civil (06 vagas), Historiador (06 vagas), Jornalista (24 vagas), Psicólogo (06 vagas), Radialista (12 vagas), Relações Públicas (06 vagas), Tecnólogo em Recursos Humanos (09 vagas), Assistente Administrativo (75 vagas), Técnico em Assessoramento Legislativo (51 vagas), Técnico em Comunicação Social – Divulgação Institucional (06 vagas), Técnico em Comunicação Social – Rádio (06 vagas), Técnico em Comunicação Social – Relações Públicas (12 vagas), Técnico em Comunicação Social – Repórter Fotográfico (06 vagas), Técnico em Comunicação Social – Televisão (06 vagas), Técnico em Informática (18 vagas) e Procurador (06 vagas).

Parede de proteção solar na sede da SES será demolida até o fim de semana


A demolição total do brise-soleil da Secretaria de Estado de Saúde (SES), estrutura externa que garante proteção contra a incidência de luz e conforto térmico à edificação, deve acontecer no fim de semana, quando não há servidores no local. Na sexta-feira (15), um incidente resultou na queda de uma pequena parte do quebra-sol, sem deixar feridos.

A área se encontra isolada com tapumes, para evitar a circulação de pessoas no local. Além disso, houve o remanejamento do estacionamento frontal do órgão. A demolição será feita por uma empresa que presta serviços de manutenção à SES e um engenheiro especialista em estrutura foi contratado para elaborar o projeto, que deve ficar pronto até a quinta-feira (21).

O prédio foi evacuado na sexta-feira (13) por medida de prevenção, mas as atividades administrativas retornam nesta terça-feira (19), após vistorias da Defesa Civil, Corpo de Bombeiros e da equipe de engenharia da SES, que constataram não haver risco à estrutura do prédio.

“A parte externa é uma proteção solar que não tem nenhuma ligação limite com os setores da SES, por isso não há riscos aos servidores. Mas como houve esse incidente, a parede fica desestabilizada, por isso precisamos removê-la. Isso será feito de forma controlada, conforme um projeto. Posteriormente faremos a construção de uma nova estrutura”, explicou a secretária adjunta de Engenharia e Manutenção da SES, Thais Farias.

Simultâneo às obras, a SES prossegue com uma investigação junto às demais autoridades para descobrir a causa do incidente.

Brises 
As brises ou quebra-sol são elementos de arquitetura usados nas construções para proteger o interior ou a fachada das edificações do sol excessivo, o que promove controle de temperatura no interior e evita o ofuscamento que a iluminação abundante pode causar.


VÍDEO: Carro cai no Rio Mearim e condutor morre


O condutor do veículo teria ingerido bebida alcoólica quando caiu no rio.



Moradores de Axixá, distante cerca de 100 quilômetros de São Luis, avistaram na manhã desta segunda-feira (18), um carro boiando no Rio Munim. Ao puxarem o carro, encontraram uma pessoa morta dentro do veículo. A vítima estava desaparecida há cerca de 48 horas e foi identificada apenas como José Alberto. Ele chegou a ser candidato a vereador na cidade de Bacabeira e era comerciante.
                                                                           

O carro não tem registro de roubo. Segundo as primeiras informações, a vítima estava dirigindo e teria ingerido bebida alcoólica quando caiu no rio. A família, inclusive, colocou um anúncio nas redes sociais informando o desaparecimento dele, que teria ido para uma festa no povoado São Simão, em Rosário.