segunda-feira, 2 de agosto de 2021

É hora de voltar: rede estadual retoma as aulas presenciais na segunda-feira (2)

 


Para mais de 300 mil estudantes da rede estadual de ensino, espalhados nos 217 municípios maranhenses, é hora de voltar às atividades nas escolas. A retomada será nesta segunda-feira (2), com o ensino híbrido assíncrono, de forma que os estudantes terão momentos presenciais e não presenciais ao longo da semana. 

As turmas serão divididas em grupos que deverão revezar-se, de acordo com a organização pelas equipes gestora e docente, respeitando as particularidades de cada comunidade escolar. No caso das escolas com condições para desenvolvimento das atividades de forma síncrona, estas podem optar por este formato. Vale destacar que as unidades de ensino têm autonomia para definirem a melhor forma de revezamento. 

Para garantir que a volta seja de forma mais segura possível, a rede foi totalmente preparada, observando os protocolos de biossegurança. As escolas irão dispor de termômetro infravermelho para aferição da temperatura na entrada; o uso de máscaras é obrigatório para todos e em todos os ambientes da escola; será colocado álcool em gel em pontos estratégicos nos corredores, assim como água e sabão para assepsia das mãos. Além disso, as aulas híbridas garantem a redução, pela metade, da quantidade de alunos em sala de aula, para que seja mantido o distanciamento, também nos demais espaços de uso coletivos.

“Estamos trabalhando para que esse retorno seja com segurança e flexibilidade e sempre observando os índices epidemiológicos da Covid-19. Caso confirmado um aumento dos casos que exija medidas restritivas, a escola retornará às atividades não presenciais pelo tempo necessário. Se houver registro de algum caso de Covid-19 em uma determinada escola, ali as aulas serão suspensas e as medidas sanitárias necessárias serão adotadas”, destacou Danilo Moreira, subsecretário de Educação. 

Expectativa da Comunidade Escolar

Em todo o estado, comunidades escolares inteiras vivem a expectativa da volta às aulas presenciais depois de tanto tempo distante de um convívio.

“O que mais fez falta, nesse período de distanciamento, foi “tá” ali com os professores, adquirindo conhecimento, experiências, porque as aulas remotas muitas vezes não conseguem suprir as necessidades, não é a mesma coisa de estar ali no contato com os professores. A minha expectativa para a volta é que as escolas estejam preparadas para receber os estudantes da forma necessária. Essa volta é necessária e vai nos ajudar muito a retomar os estudos com mais entusiasmo”, disse Denise Pereira Durans, estudante da 1ª série do Centro Educa Mais João Francisco Lisboa (Cejol). 

“Depois de muita espera, é hora de voltar às atividades escolares; à vivencia, a esse ambiente que nos deixa feliz, nos agrega, motiva e nos transforma verdadeiramente como pessoa, como amigo, como filho. Vamos voltar à escola e a momentos que fizeram falta e agora nos trazem uma vontade maior de poder estar presente novamente. Que a gente volte da melhor maneira possível e aproveite isso, valorize”, destacou Nailton Sanches da Silva, estudante da 3º série do Centro de Ensino Maria José Aragão.

“Nós alunos estamos muito ansiosos, apesar de ser uma volta híbrida, nós estamos muito animados para aproveitar mais a nossa escola, rever nossos colegas, professores e saber aproveitar mais as oportunidades que estamos tendo”, disse Gustavo Silva, aluno do Ana Isabel Tavares.

“A expectativa é grande! É um momento de recomeçar e que esse recomeço seja com pé direito, com todo cuidado, com segurança dos nossos professores, nossos estudantes”, disse Elioenai Brasil, gestora do Centro Educa Mais Olindina Nunes Freire, em Pedreiras.

“A expectativa da comunidade escolar é de que dias melhores possam acontecer, que o nosso ensino seja fortalecido e aconteça realmente de forma devida, com mais interação e mais aprendizado e possam compartilhar uns com os outros. Esse retorno mesmo com aulas híbridas, ele é valioso demais, importante para que a nossa educação volte a acontecer de forma devida”, disse Rivânia Dias Tavares, gestora do Centro Educa Mais Ana Izabel Tavares, em Dom Pedro.

“Precisamos entender que nem todos têm acesso à internet, nem todos têm um aparelho disponível para assistir aula. Este momento distante foi necessário, mas, neste momento há indicadores sanitários que nos dão mais tranquilidade. Esses alunos precisam da interatividade com professores, com seus colegas, isso é salutar e necessário, é parte do desenvolvimento social e pessoal de cada aluno. Agora, precisa ser uma volta com biossegurança, onde todos têm que fazer sua parte”, destacou Margareth Diniz, biomédica e mãe da estudante Ana Beatriz Diniz, do IEMA Rio Anil.

Aulão ao vivo e simulado online marcam o encerramento do projeto Terceirão Não Tira Férias 2021

 


Neste sábado (31), foi realizada a última live da 4ª edição do Terceirão Não Tira Férias e Fica em Casa Aprendendo. Durante três sábados consecutivos, das 15h às 17h, as aulas foram transmitidas ao vivo de forma simultânea e inédita pela TV Educação – Caminho para o Saber e pela Plataforma Gonçalves Dias.

No encerramento, foram realizadas aulões de: Língua Portuguesa e Literatura, com a professora Cacau Sotero; Matemática, com Renata Priscila Feques Ferreira e Marone Marlon Beckman Lima; Sociologia e Atualidades com Rafael Carlos Alves da Silva. Durante a edição, o projeto reuniu professores nas diferentes áreas de conhecimento com interação dos estudantes, por meio de aplicativo de mensagem. Os alunos puderam revisar e reforçar os conteúdos das áreas de Ciências Humanas, Ciências da Natureza, Ciências Exatas e Linguagens, tudo com tema central voltado para as Olimpíadas. 

Além da transmissão das aulas pela TV aberta e da exibição pela plataforma Gonçalves Dias, “audioaulas” pela Rádio Timbira garantiram que os conteúdos chegassem aos estudantes, pois aonde não chega o sinal de internet, a TV e o rádio estão presentes. 

“Foi uma edição muito exitosa, principalmente, por estarmos num momento diferenciado de ensino, saindo de um período de mais de 16 meses de ensino remoto, e seguimos com a agenda do Terceirão Não Tira Férias e com participação ativa dos estudantes do Maranhão. E a novidade da TV Educação trouxe um ganho sem medida para a agenda, que é querida dos estudantes. Estamos muito felizes e otimistas, estimulando nossos estudantes para essa experiência de retorno híbrido que começa nos próximos dias”, destacou Nadya Dutra, secretária Adjunta de Gestão da Rede de Ensino e da Aprendizagem da Seduc.

O projeto alcançou mais de 80 mil estudantes do 3º ano, além de egressos da rede. Alunos e professores falaram da importância do projeto, que para muitos foi um suporte para vencer desafios. Foi assim para Cacau Sotero, professora de Língua Portuguesa e Literatura. 

“De modo geral, particularmente falando, esse último ano é muito mais desafiador porque estamos vencendo dificuldades. Eu pude encontrar nesse trabalho a válvula de escape, para que, a partir daquilo que eu sei fazer, que é ministrar aulas, eu pudesse vencer meus próprios entraves, ressignificando minha vida. A pandemia mudou muitas histórias e eu, também estou entre milhares de famílias que viveram a perda de entes tão amados. Estamos trabalhando para não deixar a Educação parar e, junto com isso, eu não gostaria de parar também! Eu quero, juntamente com tantos “chuchus”, ter uma linda história de superação para contar!”, destacou a professora Cacau Sotero.

“O Projeto Terceirão Não Tira Férias está num processo de remodelação e consolidação. Tivemos que nos adequar a esse contexto de pandemia desde o ano passado, implementando novos formatos de aula e transmissão dos conteúdos e neste ano já aperfeiçoamos todo esse processo com o auxílio da Plataforma Gonçalves Dias. O Governo do Estado e a Seduc oportunizam aos alunos da terceira série e aos vestibulandos uma chance de reforçar os conteúdos e colocar em prática através dos simulados toda a preparação necessária para alcançarem o êxito. Como professor, me sinto honrado em fazer parte deste seleto grupo e contribuir para a formação e o aprendizado de milhares de jovens, cumprindo a missão de auxiliar no processo de democratização do acesso ao ensino e ao conhecimento”, pontuou o professor Rafael Carlos Alves da Silva, professor de Sociologia.

Simulado Online

Depois de revisar e reforçar conteúdos, estudantes de todo o Maranhão, que farão o ENEM 2021 e outros vestibulares, participaram do simulado online da 4ª edição do Terceirão Não Tira Férias e Fica em Casa Aprendendo.

O simulado ficou disponível das 8h às 13h, para que os estudantes pudessem responder as 90 questões que contemplaram todos os componentes curriculares, incluindo duas opções de língua estrangeira (Inglês e Espanhol). A ação é uma forma de testar o conhecimento e treinar para as provas do ENEM, previstas para acontecer nos dias 21 e 28 de novembro. 

O resultado do simulado online será enviado para os estudantes para o e-mail cadastrado no início da prova.

Prefeito Eduardo Braide acompanha segundo domingo de retomada da Feirinha São Luís, no Centro Histórico


Neste segundo domingo de retomada da Feirinha São Luís, 1º de agosto, mais uma vez a população da capital e turistas voltaram a ocupar o Centro Histórico para conferir os artesanato, a gastronomia típica, produtos agroecológicos e se divertir com a família e amigos nos espaços do evento e ao som das atrações culturais. O prefeito Eduardo Braide e família também estiveram na Feirinha e o gestor aproveitou para verificar a ampliação do espaço, que agora está mais confortável e seguro para todos. 


“Estamos retomando a Feirinha São Luís, evento da Prefeitura que se tornou tradição na cidade e que estava parado por causa da pandemia. Este é o segundo fim de semana de retorno com novidades como a ampliação do número de entradas e dos espaços para comercialização de produtos e circulação de pessoas. Vamos seguindo assim, sentindo o clima de cada domingo e fazendo as adequações necessárias para garantir um espaço cada vez mais seguro e confortável para nossa população e os turistas que visitam nossa cidade”, disse o prefeito Eduardo Braide. 


O prefeito Eduardo Braide foi à Feirinha São Luís acompanhado da primeira-dama, Graziela Braide, e seus filhos Maria Antônia, Manuela e Luís Eduardo. Ele visitou todos os setores do evento, conversou com os comerciantes e também recebeu muitas manifestações de carinho por parte da população. 


A Feirinha São Luís voltou a animar os ludovicenses e turistas na capital no domingo, 25 de julho, após quatro meses paralisada por causa das restrições impostas pela pandemia do novo coronavírus. O evento segue todos os protocolos sanitários, como o uso obrigatório de máscaras e a disponibilização de álcool em gel em todos os espaços. A retomada do evento, que acontece todos os domingos, das 9h às 16h, se deu em novo formato e neste segundo fim de semana contou com novas adequações. 


Novas entradas

Uma das mudanças feitas foi a ampliação do número de acessos à Feirinha. Agora são quatro entradas: pela Avenida Dom Pedro II, ao lado da Praça Benedito Leite; pela Rua do Egito, que pode ser subindo a ladeira ou pela Praça João Lisboa; e tem também a entrada pela esquina (a que tem o semáforo vertical) da Avenida Dom Pedro II com a Rua do Egito, liberada às 11h30min, após o término da missa na Igreja da Sé. 


Para isso, a Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT) está desenvolvendo ações de disciplinamento, interdição e desvio em alguns pontos do entorno do Centro Histórico, com atenção para os acessos à Feirinha. “A Feirinha foi ampliada para melhor atender a todos. Por conta das mudanças, montamos uma operação para garantir que quem vem prestigiar a programação tenha tranquilidade em estacionar e também para quem chega em outros meios de transporte. Nossos agentes de trânsito estão dispostos em locais estratégicos em toda a região que compreende o evento, orientando as pessoas e para que o trânsito possa fluir normalmente durante o período em que acontecem as atividades da Feirinha São Luís”, informou o titular da SMTT, Cláudio Ribeiro. 

Também foi feita a ampliação do espaço gastronômico, que concentra grande público por causa da venda, principalmente de comida típica, ocupando, agora, a área maior na Praça João Lisboa. Além disso, no início da Rua do Egito os frequentadores encontram food trucks.


Oportunidade de negócios e vendas

A Feirinha São Luís é um importante espaço de fortalecimento da economia e uma oportunidade para os pequenos empreendedores e os produtores rurais, sobretudo neste momento de retomada da economia, com a crise causada pela pandemia da Covid-19. Somente no primeiro domingo de volta do evento, mais de R$ 57 mil em serviços e negócios foram movimentados, segundo a Semapa. 

 


A Feirinha São Luís também está garantindo que artistas locais possam retomar suas apresentações, paralisadas há mais de um ano por causa da pandemia. Os cantores João e Fabrício Henrique e o Duo Instrumental fizeram a animação do público neste domingo em palco montado na Praça João Lisboa. 


Também estiveram presentes na Feirinha São Luís este domingo, os secretários municipais de Cultura, Marco Duailibe; da Pessoa com Deficiência, Carlivan Braga; o secretário adjunto de Fiscalização e diretor da Blitz Urbana, Ashbel Muniz e o adjunto da Semapa, Dilmar Araújo.

Governo entrega Rua Digna e leva alegria à comunidade de Coqueiro


Sabe aquela rua novinha, totalmente pavimentada e transformada, que dá gosto de passar e as crianças se sentem livres para correr e brincar? Essa é a Rua Digna da Cerâmica I, que foi entregue pelo Governo do Maranhão à Comunidade de Coqueiro, nesse sábado (31). 

A obra de pavimentação foi realizada pelo Governo por meio de parceria entre as Secretarias de Estado da Educação (Seduc) e de Administração Penitenciária (SEAP). São 1.200 metros quadrados de pavimentação e calçamento, 572 metros de quadrados de calçada e meio-fio, tudo realizado por meio do programa de ressocialização de apenados executado pela SEAP. Vale destacar que para a obra foram produzidos 13.932 blocos sextavados e 1.112 peças para o meio-fio. 


“É um sentimento de grande realização, mais uma ação do governador Flávio Dino, uma Rua Digna sendo entregue nas proximidades de escolas. Esse é o nosso objetivo: garantir uma dignidade ampla para toda comunidade, com obras como escolas adequadas e dignas para receber os nossos estudantes, professores, servidores, mas, também para garantir conforto para a população. Essa Rua Digna significa segurança, acessibilidade, saúde porque traz saneamento, e isso tudo ajuda na valorização da comunidade e dos imóveis dos moradores.




Então, tudo isso nos deixa muito felizes com a parceria da Secretaria de Administração Penitenciária, que quero manifestar reconhecimento e gratidão ao trabalho do secretário Murilo Andrade”, destacou Felipe Camarão, que lembrou como estava a rua quando visitou a comunidade dois meses atrás. 


“Eu estive aqui representando o governador, juntamente com o secretário Rodrigo Lago, e vimos uma rua totalmente inadequada, imprópria, praticamente uma vala. E, hoje, a gente vê essa transformação, a alegria e a gratidão das pessoas de terem efetivamente uma Rua Digna para suas moradias”, finalizou Felipe. 


“Para o sistema penitenciário, é uma grande honra poder fazer parte de algo assim: a entrega de uma ação concreta de transformação. O sistema penitenciário tem participado de parcerias em conjunto com a Seduc e com outras secretarias. Hoje, nós estamos produzindo os blocos e entregando para a realização dessas obras. Aqui foram entregues quase 14 mil bloquetes para a Rua Digna da Cerâmica I. Mas, mais que isso, em nome do secretário Murilo Andrade, do Governo do Estado, eu quero ressaltar que essa ação é resultado do nosso compromisso com a sociedade maranhense e dizer que o Sistema Penitenciário é eficaz e faz com que a ressocialização seja cumprida”, destacou Kelly Carvalho, secretária adjunta de atendimento e humanização penitenciária da SEAP. 


Dona Josinete Santana estava varrendo a rua quando a comitiva do Governo chegou para a inauguração e era só felicidade. Ela conta que mora há 51 anos na comunidade e sente orgulho em ver a sua rua transformada. 


“Nós moradores temos que zelar por nossa rua. Estou tendo um privilégio de ver minha rua maravilhosa, um benefício não só para mim, mas para todos os moradores. Nós lutamos muito para conseguir, mas, só hoje veio essa equipe que fez um sucesso. Eu estou muito feliz, não só eu, mas todos os moradores da Rua da Cerâmica”, disse dona Josinete. 

“Ficamos muito felizes em ver a nossa rua assim, muito bonita, e está de parabéns e ‘pra’ a gente vai ser uma coisa muito gratificante. Antes era cheia de buraco, e agora não, ‘tá’ diferente demais”, Josivana Pereira Santana, moradora do lugar.


“A comunidade esperava há muito tempo e hoje esse é um sonho realizado. E nós só temos que agradecer ao governador Flávio Dino, ao vice-governador Carlos Brandão e ao doutor Felipe Camarão por terem realizado esse sonho, que a gente vinha sonhando sozinho. Um sonho quando é sonhado junto, esse sonho se torna realidade. Isso traz dignidade para os moradores, valoriza os imóveis dessa rua aqui, melhora a trafegabilidade e melhora tudo”, destacou o vereados Francisco Carvalho.

Governo do Maranhão autorizou 5 obras em equipamentos educacionais nesta semana


Ao longo desta semana, o Governo do Estado deu o pontapé inicial para a realização de obras em mais cinco equipamentos educacionais, localizados nos municípios de Simbaíba, Pastos Bons, São Domingos do Maranhão e Matões. 


Neste sábado (31), em Matões, foram autorizadas duas Ordens de Serviço que contemplaram o Centro de Ensino João Paulo I e o Farol do Saber Luciano Tenório, importantes equipamentos educacionais que serão totalmente reformados e entregues à população local.

A escola, que possui oito salas de aula, oferece o Ensino Médio Regular e a Educação de Jovens e Adultos. Ao todo, o CE João Paulo I atende 956 estudantes, que logo terão uma escola adequada para a prática do ensino e mais confortável para a comunidade escolar.


Os investimentos para a execução dos serviços de reforma da escola João Paulo I serão de mais de R$ 1,5 milhões; enquanto que o Farol do Saber terá investimentos de quase R$ 150.000,00 para a transformação do espaço.


Ainda em Matões, o secretário Felipe Camarão, acompanhado do secretário Adjunto de Administração, Vitor Pflueger; do secretário Adjunto André Bello; secretário de Articulação Política Rubens Pereira Júnior e sua comitiva; e do prefeito de Parnarama, Raimundo Silva Rodrigues da Silveira, entre outras lideranças, visitou o Farol do Saber que será reformado; a obra de construção de uma escola de Ensino Médio, que já está com os serviços adiantados, e logo será entregue aos moradores da cidade.

Antes, as comitivas dos secretários e lideranças visitaram os Centros de Ensino Mestre Tibério e o Cônego Jesus de Moura Soares, localizados em Parnarama, escolas inauguradas pelo Governo do Estado recentemente e que estão prontas para o retorno das aulas com segurança. Na ocasião, o secretário Felipe Camarão anunciou a construção da quadra do CE Cônego Jesus Moura. 



“São obras essenciais para essas cidades. O governador Flávio Dino segue firme no seu trabalho para a transformação da educação no nosso estado. E para mim é uma honra fazer parte dessa história transformadora. Em Matões tem obra em andamento e outras duas com Ordem de Serviço para começar. Seguiremos incansáveis para que essa história seja contínua e cada vez mais bonita”, destacou Felipe Camarão.




Em São Domingos do Maranhão, o secretário de Estado da Educação, Felipe Camarão, assinou ordem de serviço para reforma do Centro de Ensino Horácio Alves de Andrade, que beneficiará quase mil estudantes. A escola possui 10 salas de aula, biblioteca, laboratórios de informática e ciência e receberá investimentos de mais de R$1,5 milhões.



Durante a assinatura da ordem de serviço, o secretário Felipe Camarão também anunciou a reforma de outro equipamento educacional e falou da retomada das obras do Instituto Estadual de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IEMA) de São Domingos do Maranhão. Antes o secretário da Agricultura Familiar, Rodrigo Lago, visitou as obras do IEMA e o Centro de Ensino Deputado Luiz Rocha, que foi reformada em 2018, pelo Governo do Estado. Para construção do IEMA, serão investidos mais de R$ 10 milhões, enquanto que para a reforma do CE Horácio Alves de Andrade, serão mais de R$ 1,5 milhões.



Para a estudante do CE Horácio Alves de Andrade, Laissa Ferreira do Nascimento, 17 anos, toda a comunidade se encontra feliz com a notícia da reforma da escola. “A gente se sente muito feliz em saber que a escola vai entrar em reforma. Desde o dia que a gente soube dessa notícia, foi uma alegria para todos nós, estudantes”, declarou.

“É com grande alegria que a gente recebe essa notícia da reforma da nossa escola. Era um sonho antigo da nossa comunidade, eu chego até a ficar emocionado. A gente vinha pedindo aos nossos amigos e governantes, que viessem com essa reforma e hoje é o dia, chegou o grande dia. O nosso muito obrigado, valeu, e não poderíamos deixar de agradecer o nosso governador Flávio Dino pelo trabalho grandioso que vem fazendo a frente do nosso estado, muito obrigado”, destacou o gestor geral do ‘Horácio Alves de Andrade’, Professor Francisco Alvarenga.



“Nós são dominguenses estamos na expectativa do término dessa obra, saudando muito nosso governador, agradecendo de coração toda equipe do governo aqui. Uma expectativa melhor para os nossos alunos, sabendo que isso aqui vai qualificar melhor nossos jovens para o mercado de trabalho. É uma grande felicidade que vamos inaugurar essa obra junto com o nosso governador e nossos secretários”, concluiu o prefeito de São Domingos do Maranhão, Kleber Alves de Andrade.

                                       

Simbaíba e Pastos Bons

Na última quarta-feira (28), em agenda pela região sul do Maranhão, o governador Flávio Dino deu início a outras duas obras educacionais. No município de Simbaíba, foi iniciada a obra de reforma do Centro de Ensino Dr. Paulo Ramos, que receberá investimentos de mais de R$ 1,5 milhão. 

Em Pastos Bons, o Centro Educa Mais Ribamar Torres também está sendo completamente transformado, para melhor atender estudantes da região, com ensino médio em tempo integral. A obra está orçada em R$ 1,1 milhão.

Governo deve ultrapassar marca de 400 ambulâncias já entregues até o início de 2022

 


O Governo do Estado deve ultrapassar, até o início do próximo ano, a entrega de 400 ambulâncias a municípios maranhenses. Desde que os municípios começaram a ser beneficiados pela gestão do governador Flávio Dino com a renovação da frota sanitária, mais de 300 ambulâncias já foram entregues. Os investimentos do poder público estadual na saúde municipal têm contribuído para o fortalecimento da rede pública de saúde no Maranhão. 

“Chegamos a 332 ambulâncias entregues durante a nossa gestão. Com investimentos como esse e atuando em benefício da população maranhense temos acompanhado o desenvolvimento do estado em diversas áreas, especialmente na saúde”, disse o governador Flávio Dino, durante a solenidade de entrega de dez novas ambulâncias, na última quinta-feira (29). 

Os veículos beneficiaram, desta vez, as cidades de Tufilândia, Trizidela do Vale, Luís Domingues, Dom Pedro, Coelho Neto, Buriti Bravo, Brejo de Areia, Benedito Leite, Axixá e Amapá do Maranhão. Cada unidade dispõe de maca, prancha, umidificador, cilindro e bala de transporte para oxigênio. Cada veículo também poderá ser transformado em Unidade de Suporte Avançado (USA), podendo ser adaptadas para transportar pacientes de alto risco em emergências pré-hospitalares. 

“O governo segue oferecendo contribuições às gestões municipais. Assim, fortalecemos também o SUS no Maranhão, consolidando uma rede que funcione para atender quem mais precisa dos serviços públicos. Esse é um apoio ainda mais importante neste período de pandemia, por isso ainda em 2021 pretendemos concluir a entrega de 400 ambulâncias, iniciada no início deste ano”, enfatizou o secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula. 

Aprovação

“Nós ainda estamos em um cenário de pandemia e nosso esforço tem sido ainda maior para salvar vidas e, para isso, precisamos também de transporte seguro. Essa ambulância chega em boa hora para Axixá e, sem dúvidas, será instrumento preciso no resgate de muitos”, disse a prefeita de Axixá, Sônia Campos.  

O titular da gestão municipal de Benedito Leite, Ramon Carvalho, reforçou a importância do veículo para o município. Foi de grande valia receber mais uma ambulância, uma vez que ela será decisiva no transporte seguro dos nossos pacientes para as unidades regionais e macrorregionais. Além disso, ajuda a reduzir a necessidade de manutenção mais constante, uma vez que se trata de um equipamento novo, moderno e muito bem equipado”, detalhou. 

O prefeito de Coelho Neto, Bruno Silva, comemorou mais esta entrega. “É por demais importante a atuação do governo estadual no que tange à saúde pública. As ambulâncias chegam em uma boa hora, para somar e trazer mais esperança à população maranhense, principalmente para a minha querida Coelho Neto”, disse o gestor municipal.

Duas pessoas morrem em grave acidente em Coroatá

 


Mais uma vez o município de Coroatá registrou um grave acidente de trânsito durante o final de semana, desta vez ocorrido no povoado Guaribas, na noite deste domingo (01), que resultou na morte de duas pessoas, identificadas como Adriano Morais Gama e Antônio Magno Souza da Cruz.

De acordo com informações da PM, o acidente aconteceu na MA-235, quando as duas vítimas que estavam numa motocicleta colidiram contra um caminhão. O impacto foi tão forte que as vítimas apresentaram diversas fraturas e uma delas teve a cabeça arrancada do corpo, sendo encontrada a alguns metros de distância do local, possivelmente arrastada pelo veículo. A outra vítima teve parte do crânio arrancado.

A polícia conseguiu localizar o caminhão que teria colidido contra a moto, mas o motorista não foi localizado. O acidente já sendo investigado.